TOCO (2019)
Toco participou de uma aula de Storyboard na PUC-Rio, de um exercício de observação em que o professor nos pediu identificar caracteres em objetos inanimados ou na natureza pelo campus. Para esse personagem, pensei em produzir, um dia, alguns curtas-metragens nos quais ele explora natureza e como ele lida com a vida ao seu redor. A história de Toco é simples, mas não menos importante. Simplesmente em um lindo dia de sol, depois de uma grande tempestade na noite anterior, um toco enraizado e frondoso simplesmente começou a encher e encher ainda mais de plantas, dois olhinhos apareceram e depois um nariz longo e gordo. Ele abriu os olhos e viu o natureza ao seu redor e senti um grande desejo de explorar. E com toda a força que ele tinha, ele deu um grande salto e seus pés, muito maiores do que proporcionalmente possíveis para o seu tronco, saiu de suas raízes, e então ele começou andar pelo mundo.
Forgiven Not Forgotten (2019)

Parte introdutória de um projeto de curta que busca falar sobre violência e abuso no ambiente familiar sob dois pontos de vista e o reflexo disso na vida dos personagens depois de conviver sob o mesmo tempo com o mesmo abusador.


Back to Top